"Globalização é uma doutrina a serviço do imperialismo"


"Globalização" é uma estratégia dos imperialistas para realizar facilmente sua ambição de dominação, impondo a concepção de valor ao estilo ocidental. É assim que o diário Rodong Sinmun enfatiza em um artigo publicado no dia 26 de março e continua: Como cada país e cada nação têm sua própria ideia, regime e cultura, não pode haver "unificação" do mundo. No entanto, os imperialistas insistem que a "globalização" oferece a todos a mesma oportunidade e torna possível criar a ideia de que a cultura do mundo que pode ser compartilhada por todos e aumentar a produtividade e a eficiência através do uso apropriado dos recursos naturais. Seu objetivo é transformar este planeta em um mundo de estilo ocidental e subjugar todos os países e nações. Isso é demonstrado pela situação em muitos países que aceitou taj doutrina controversa. A "globalização" aludida pelos imperialistas não é para o desenvolvimento e a prosperidade de outros países e nações, mas para estabelecer a ordem internacional centrada em si mesmos. É irrefutável o fato de que, sob a bandeira da "globalização", os imperialistas perturbam a paz e a segurança do mundo, impedindo que o desenvolvimento independente da espécie humana.

Da Korean Central News Agency (KCNA)

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube