Sobre o NOVACULTURA.info

“O critério único da verdade é a prática revolucionária dos milhões que integram o povo”

Mao Tsé-tung

No Brasil, os meios de comunicação estão concentrados nas mãos de um punhado de famílias reacionárias. O imperialismo norte-americano dá a linha dos principais jornais, revistas, sites e emissoras de televisão. Os trabalhadores, massacrados diariamente pelo Estado reacionário das classes dominantes, são tratadas como párias e criminalizados, principalmente quando decidem intervir de maneira combativa na defesa dos seus direitos. As guerras de rapina promovidas pelos Estados Unidos, são justificadas como necessárias pelos meios de comunicação, que atuam como fiéis serviçais do imperialismo. Justificam as agressões do imperialismo, ao passo que criminalizam todas as formas de resistência encontradas pelos povos para fazer frente aos agressores estrangeiros.

 

Como aponta o revolucionário marxista italiano Antônio Gramsci, "todos os dias, pois, sucede a este mesmo operário a possibilidade de poder constatar pessoalmente que os jornais burgueses apresentam os fatos, mesmo os mais simples, de modo a favorecer a classe burguesa e a política burguesa com prejuízo da política e da classe operária. Rebenta uma greve? Para o jornal burguês os operários nunca têm razão. Há manifestação? Os manifestantes, apenas porque são operários, são sempre tumultuosos, facciosos, malfeitores". E segue "o governo aprova uma lei? É sempre boa, útil e justa, mesmo se não é verdade. Desenvolve-se uma campanha eleitoral, política ou administrativa? Os candidatos e os programas melhores são sempre os dos partidos burgueses. E não falemos daqueles casos em que o jornal burguês ou cala, ou deturpa, ou falsifica para enganar, iludir e manter na ignorância o público trabalhador".


Dado este cenário, a União Reconstrução Comunista, organização que luta para reconstruir o Partido Comunista (marxista-leninista) em nosso país, tomou a decisão em 2015 de criar e impulsionar uma publicação própria que, ao lado de muitas outras publicações de caráter democrático e progressista existentes em nosso país, possa ajudar a difundir e impulsionar a luta revolucionária das massas.


Ao longo destes anos o NOVACULTURA.info consolidou-se uma ferramenta para propagar e difundir a teoria revolucionária do marxismo-leninismo, bem como apresentar realidade dos países que persistem no caminho do socialismo, desfazendo mitos e distorções apresentadas pelos monopólios das classes dominantes. O site sempre buscou a propagação da necessidade da construção da Revolução democrática de novo tipo e o combate decisivo contra o imperialismo no Brasil, na América Latina e no mundo.

 

O cenário político brasileiro após o Golpe de Estado e os sucessivos ataques contra a classe operária, os camponeses e os povos originários, impõe a necessidade de ampliarmos ainda mais nosso trabalho de divulgação da teoria marxista-leninista e das lutas populares que se desenvolvem em nosso país, da mesma forma que conjuntura internacional, com o avanço do imperialismo sobre os povos do mundo, também exige essa postura de nossa parte.

 

Nosso veículo unirá nossos esforços e nossos trabalhos para que assim a URC possa cumprir essa tarefa primordial para o avanço da luta em nosso país. Nosso objetivo é ampliar cada vez mais nosso trabalho e nossa produção, seja no site, na revista Nova Cultura ou ainda em nosso selo editorial Edições Nova Cultura.

Em nosso site, além da produção própria dos nossos militantes sobre a realidade brasileira e o marxismo-leninismo, devidamente destacados na primeira página do NOVACULTURA.info, também buscamos reproduzir (cujos títulos aparecem entre aspas) alguns trabalhos importantes de veículos da mídia independente e dos movimentos populares, assim como de organizações políticas de todo o mundo que possam contribuir com nosso objetivo fundamental em nosso site. 

 

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube