banner VII Salao do Livro Político.gif
  • NOVACULTURA.info

"As esperanças repousam na resistência, marchar para maiores lutas em 2022"



A piora da crise econômica, a persistência da pandemia e a repressão política violenta são as perspectivas sombrias para o povo filipino no próximo ano de 2022. Isso é resultado das políticas anti-povo e pró-imperialistas e do terrorismo de Estado do regime EUA-Duterte.


A única esperança para o povo filipino reside em aumentar sua resistência contra a tirania governante e em promover sua causa patriótica e democrática. Somente travando lutas de massa e todas as outras formas de resistência poderão ter certeza de uma situação melhor no próximo ano e no futuro.


Este ano, o povo filipino deve se manter firme em sua luta contra a perpetuação da dinastia política Duterte e a restauração total dos Marcos no ápice do poder reacionário. Mesmo com uma ampla coalizão de forças políticas sendo preparada para se opor aos Dutertes e Marcos na arena eleitoral, o povo filipino deve estar pronto para exercer seu poder democrático nas ruas para frustrar os planos de Duterte de fraudar e roubar as eleições.


Diante do desemprego generalizado, aumento de preços, perspectiva de impostos mais onerosos e piora geral das condições de vida, as classes e setores oprimidos e explorados devem intensificar suas lutas de massas para exigir aumentos salariais, terras, empregos, expansão da saúde pública, educação e outros serviços essenciais e outras demandas urgentes.


O plano declarado dos militares e da polícia para “esmagar” o Novo Exército Popular e a resistência armada do povo antes de maio de 2022 fracassará completamente. A revolução armada que está sendo travada pelo Novo Exército Popular continuará a se expandir e se fortalecer com o apoio cada vez maior e mais amplo das massas camponesas e do povo filipino.


À medida que avançamos para 2022, o Partido conclama o povo filipino a aumentar sua determinação de lutar e aumentar sua vigilância contra o agravamento do terrorismo de Estado de Duterte e dos ataques contra o povo.


O Partido está determinado a se fortalecer para liderar de maneira mais eficaz as lutas democráticas do povo e levar a revolução democrática do povo a níveis sem precedentes no próximo período.


Por Marco Valbuena, Diretor de Informação do Partido Comunista das Filipinas


31 de dezembro de 2021