1/10

"Eles mentem contra a Venezuela: EUA e Colômbia são os protagonistas do narcotráfico na América


Líder mundial em assassinatos de líderes sociais; com sete bases militares à disposição dos planos de guerra do Pentágono e seu Comando Sul contra a Venezuela e outros vizinhos desconfortáveis ​​para a Casa Branca na América Latina; terreno fértil para recrutar oficiais, agentes e mercenários de todos os tipos para agências de subversão, a Colômbia continua a bater recordes como um significativo epicentro global da produção e tráfico de cocaína.

Washington e Bogotá, que há décadas apoiam a doutrina da “intervenção preventiva” sob o pretexto da guerra contra o narcotráfico, da qual apoiaram os conflitos contra insurgentes, “antiterroristas” e agora as chamadas “ameaças transnacionais”, continuam sofrendo fortes reves