"O caráter explorador do capitalismo não pode ser alterado"


Há que ser um sofisma para esconder a natureza exploradora do anúncio da classe capitalista que o desenvolvimento científico e técnico aumenta a produção e "contribui" para o "bem-estar das pessoas". O jornal Rodong Sinmun avança assim em um artigo individual publicado no último dia 28 e continua: Na sociedade capitalista, o aumento da produção baseada na ciência e na tecnologia não ajuda muito a classe trabalhadora e, pelo contrário, torna-se a causa que impõe mais desgraça e sofrimento às amplas massas trabalhadoras. Os capitalistas monopolistas dessa sociedade consideram os sucessos do desenvolvimento científico-técnico como os melhores meios para satisfazer sua ganância ilimitada. Hoje em dia, obtêm lucros fabulosos aplicando sucessos científicos e técnicos e usando-os como meios para explorar cruelmente os trabalhadores. A exploração dos capitalistas hoje se torna mais potencializada do que nunca. A introdução de realizações de ponta científicos e técnicos em países capitalistas leva à renovação constante das atividades produtivas e empresariais e, assim, para a redução do número de trabalhadores e aumento dos lucros para os capitalistas. Enquanto os meios de produção esteja nas mãos de um punhado de monopolistas, a situação da esmagadora maioria das massas trabalhadoras neste modelo social nunca será melhorada.

Da KCNA (Korean Central News Agency)

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube