top of page
  • Foto do escritorNOVACULTURA.info

"Tempestade de Primavera sobre a Índia"



Um estrondo de trovão de primavera ecoou sobre a terra da Índia. Camponeses revolucionários na área de Darjeeling se levantaram em rebelião. Sob a liderança de um grupo revolucionário do Partido Comunista da Índia(1), uma área vermelha de luta armada revolucionária rural foi estabelecida na Índia. Isso é um desenvolvimento de tremenda importância para a luta revolucionária do povo indiano.


Nos últimos meses, as massas camponesas desta área, lideradas pelo grupo revolucionário do Partido Comunista da Índia, romperam com as amarras do revisionismo moderno e destruíram os grilhões que os prendiam. Eles apreenderam grãos, terras e armas dos senhores de terras e proprietários de plantações, puniram os tiranos locais e a elite maligna, e emboscaram as tropas reacionárias e a polícia que tentaram os reprimir, demonstrando assim a enorme força da luta armada revolucionária dos camponeses. Todos os imperialistas, revisionistas, funcionários corruptos, tiranos locais e elite maligna, e exército e polícia reacionários são nada aos olhos dos camponeses revolucionários que estão determinados a esmaga-los. O grupo revolucionário do Partido Comunista da Índia fez exatamente o que era correto, e eles fizeram bem. O povo chinês aplaude com alegria esta tempestade revolucionária dos camponeses indianos na área de Darjeeling, assim como todos os marxista-leninistas e pessoas revolucionárias de todo o mundo.


É inevitável que os camponeses indianos se revoltarão e que o povo indiano fará uma revolução, porque o governo reacionário do Congresso não deixou alternativa para eles. A Índia sob o domínio do Congresso é apenas nominalmente independente; na verdade, é nada mais do que um país semicolonial e semifeudal. A administração do Congresso representa os interesses dos príncipes feudais indianos, grandes senhores de terras e capitalistas burocratas-compradores. Internamente, oprime o povo indiano sem piedade e suga o seu sangue, enquanto internacionalmente serve ao novo chefe, o imperialismo dos EUA, e seu cúmplice número um, a clque revisionista soviética, além de seu antigo soberano, o imperialismo britânico, traindo assim os interesses nacionais da Índia de forma significativa. Portanto, o imperialismo, o revisionismo soviético, o feudalismo e o capitalismo burocrático-comprador pesam como grandes montanhas nas costas do povo indiano, especialmente nas massas trabalhadoras e camponesas.


A administração do Congresso intensificou a sua supressão e exploração do povo indiano e perseguiu uma política de traição nacional nos últimos anos. A fome assolou a terra ano após ano. Os campos estão cheios de cadáveres daqueles que morreram de fome e inanição. O povo indiano, acima de tudo, os camponeses indianos, viram a vida tornar-se impossível para eles. Os camponeses revolucionários na área de Darjeeling agora se levantaram em rebelião, em revolução violenta. Isso é o prelúdio para uma revolução violenta das centenas de milhões de pessoas em toda a Índia. O povo indiano certamente se livrará dessas grandes montanhas de suas costas e alcançará a completa emancipação. Essa é a tendência geral da história indiana que nenhuma força na Terra pode deter ou impedir.


Qual caminho deve ser seguido pela Revolução Indiana? Esta é uma questão fundamental que afeta o seu sucesso e o destino dos 500 milhões de indianos. A Revolução Indiana deve seguir o caminho de se apoiar nos camponeses, estabelecer áreas de base no campo, persistir na luta armada prolongada e usar o campo para cercar e finalmente capturar as cidades. Este é o caminho de Mao Tsé-tung, o caminho que levou a Revolução Chinesa à vitória e o único caminho para a vitória das revoluções de todas as nações e povos oprimidos.


Nosso grande líder, o Presidente Mao Tsé-tung, apontou há 40 anos: “Nas províncias centrais, do sul e do norte da China, várias centenas de milhões de camponeses se levantarão como uma tempestade poderosa, como um furacão, uma força tão rápida e violenta que nenhum poder, por mais grande que seja, será capaz de detê-la. Eles destruirão todos os grilhões que os prendem e avançarão pelo caminho da libertação. Eles varrerão todos os imperialistas, senhores da guerra, funcionários corruptos, tiranos locais e elite maligna para suas covas”.


O Presidente Mao apontou explicitamente há muito tempo que a questão camponesa ocupa um lugar extremamente importante na revolução popular. Os camponeses constituem a principal força na revolução nacional-democrática contra o imperialismo e seus lacaios; eles são os aliados mais confiáveis e numerosos do proletariado. A Índia é um vasto país semicolonial e semifeudal com uma população de 500 milhões, a absoluta maioria dos quais, os camponeses, uma vez despertados, se tornarão a força invencível da Revolução Indiana. Ao se integrarem com os camponeses, o proletariado indiano será capaz de provocar mudanças profundas no vasto campo da Índia e derrotar qualquer inimigo poderoso em uma comovente guerra popular.


Nosso grande líder, o Presidente Mao, nos ensina: “A tomada do poder pela força armada, a resolução da questão pela guerra, é a tarefa central e a forma mais elevada da revolução. Este princípio marxista-leninista de revolução é válido universalmente, para a China e para todos os outros países”.


A natureza específica da Revolução Indiana, como a da Revolução Chinesa, é uma revolução armada lutando contra a contrarrevolução armada; A luta armada é o único caminho correto para a revolução indiana; não há outro caminho. Coisas como “gandhismo”, “via parlamentar” e coisas do tipo são ópio usados pelas classes dominantes indianas para paralisar o povo indiano. Somente através da revolução violenta e da trilha da luta armada pode a Índia ser salva e o povo indiano alcançar a completa libertação. Especificamente, isso envolve a ousadia de despertar as massas camponesas, construir e expandir as forças armadas revolucionárias, desferir golpes contra a repressão armada dos imperialistas e reacionários, que temporariamente são mais fortes que as forças revolucionárias, usando todo o conjunto da estratégia flexível e táticas de guerra popular pessoalmente elaboradas pelo Presidente Mao, e persistir na luta armada prolongada para alcançar a vitória da revolução passo a passo.


À luz das características da Revolução Chinesa, nosso grande líder, o Presidente Mao, enfatizou a importância do estabelecimento de áreas de base revolucionárias rurais. O Presidente Mao nos ensina: Para persistir na luta armada prolongada e derrotar o imperialismo e seus lacaios, “é imperativo para as fileiras revolucionárias transformar as aldeias atrasadas em áreas de base avançadas, consolidadas, em grandes bastiões militares, políticos, econômicos e culturais da revolução, a partir dos quais lutar contra seus inimigos vis que estão usando as cidades para atacar os distritos rurais, e dessa forma gradualmente alcançar a vitória completa da revolução através de uma luta prolongada”.


A Índia é um país com vasto território; seu campo, onde o domínio reacionário é fraco, fornece áreas amplas onde os revolucionários podem manobrar livremente. Desde que os revolucionários proletários indianos adiram à linha revolucionária do marxismo-leninismo, Pensamento Mao Tsé-tung e confiem em seu grande aliado, os camponeses, é totalmente possível estabelecerem uma após outras áreas de base revolucionárias avançadas nas vastas áreas rurais atrasadas e construir um exército popular de um novo tipo. Quaisquer dificuldades e reviravoltas que os revolucionários indianos possam enfrentar ao construir essas áreas de base revolucionárias, eventualmente desenvolverão essas áreas de pontos isolados para uma vasta extensão, de pequenas áreas para áreas extensas, em uma expansão em uma série de ondas. Assim, uma situação em que as cidades são cercadas pelo campo gradualmente se estabelecerá na Revolução Indiana, preparando o caminho para a tomada final das cidades e a conquista da vitória em todo o país.


Os reacionários indianos estão em pânico com o desenvolvimento da luta armada rural em Darjeeling. Eles sentiram um desastre iminente e lamentam alarmados que a revolta dos camponeses em Darjeeling se tornará “um desastre nacional”. O imperialismo e os reacionários indianos estão tentando de mil e uma maneiras suprimir essa luta armada dos camponeses em Darjeeling e cortá-la pela raiz. A facção renegada de Dange e os chefes revisionistas do Partido Comunista Indiano estão difamando e atacando vigorosamente os revolucionários do Partido Comunista da Índia e os camponeses revolucionários em Darjeeling por seus grandes feitos. O chamado “governo não-Congresso” em Bengala Ocidental se alinha abertamente com o governo reacionário indiano em sua supressão sangrenta dos camponeses revolucionários em Darjeeling. Isso prova ainda mais que esses renegados e revisionistas são cães de guarda do imperialismo dos EUA e do revisionismo soviético e lacaios dos grandes senhores de terras e burguesia indianos. O que eles chamam de “governo não-Congresso” é apenas uma ferramenta dos senhores de terras e da burguesia.


Mas, não importa o quanto os imperialistas, reacionários indianos e os revisionistas modernos cooperem em sua sabotagem e supressão, a tocha da luta armada acesa pelos revolucionários do Partido Comunista Indiano e pelos camponeses revolucionários em Darjeeling não se apagará. “Uma única faísca pode iniciar um incêndio na pradaria”. A faísca em Darjeeling iniciará um incêndio na pradaria e certamente incendiará as vastas extensões da Índia. Uma grande tempestade de luta armada revolucionária varrerá, com certeza, toda a extensão e largura da Índia. Embora o curso da luta revolucionária indiana seja longo e tortuoso, a revolução indiana, orientada pelo grande marxismo-leninismo, Pensamento Mao Tsé-tung, certamente triunfará.


Publicado como editorial no Diário do Povo, órgão do Comitê Central do Partido Comunista da China, em 5 de julho de 1967


NOTA

(1) Este grupo compreendia os membros radicais do outrora indiviso Partido Comunista da Índia (Marxista), um precursor do Partido Comunista da Índia (Marxista-Leninista)

  • Instagram
  • Facebook
  • Twitter
  • Telegram
  • Whatsapp
PROMOÇÃO-MENSAL-mai24.png
capa29 miniatura.jpg