95 Anos de "Sobre os Fundamentos do Leninismo" de Stalin

14/05/2019

 

Em maio de 1924, na então União Soviética, era editada uma coletânea de conferências pronunciadas pelo dirigente bolchevique J. V. Stalin (em abril do mesmo ano) na Universidade Sverdlov de Moscou. Esta coletânea recebeu o título de Fundamentos do Leninismo e se tornaria um dos mais importantes documentos teóricos do marxismo-leninismo.
 

Claro e objetivo, fiel ao estilo de Stalin, o livro traz a denúncia contra o oportunismo e já aponta para o perigo do trotskismo que ganhava corpo dentro do Partido Comunista (bolchevique) da União Soviética naqueles anos tumultuados após uma cruel Guerra Civil imposta à nova República dos Sovietes (1919 a 1921) e a morte prematura do grande líder Vladimir Lênin (1924). É, também, uma obra atual justamente por realizar esse combate e alertar às fileiras comunistas do perigo das ideias nocivas do trotskismo e da socialdemocracia à ideologia do proletariado. Assim como Lênin fez na época da II Internacional (que se transformaria num braço da burguesia), Stálin dá continuação à vigilância revolucionária contra o perigo do revisionismo e da traição às lutas do proletariado e critica os dogmas dos reformistas socialdemocratas e seus preconceitos contra o proletariado. Este ano de 1924 é bem peculiar, devido às lutas dentro do Partido e as tentativas dos grupos trotskistas, zinovievistas e bukharinistas liquidarem o PC (b) US e destruírem o Estado Operário.

 

Stalin destaca, nestas conferências, a importância de Lênin e define o leninismo como “o marxismo na época do imperialismo e da revolução proletária”, a teoria e a “tática da revolução proletária em geral e a tática da ditadura do proletariado em particular”, mostrando as contradições existentes no imperialismo e analisando de forma direta o conceito de ditadura do proletariado (uma nova maneira de democracia para a maioria e de ditadura para a minoria opressora destituída do poder estatal) como transição ao comunismo, assim como mostra a importância dos camponeses durante todo o processo revolucionário. Dessa forma, Stálin pontua a importância de Lênin como o grande pensador e desenvolvedor do marxismo, aprofundando o materialismo histórico e dialético criado por Marx e Engels.
 

Sobre a questão nacional, Stalin – em Sobre os Fundamentos do Leninismo – defende a libertação nacional e dos povos oprimidos pelo imperialismo e faz uma crítica direta aos reformistas, socialchauvinistas, ligados à II Internacional que provocavam confusão sobre a autodeterminação dos povos. Este tema é, aliás, uma das especialidades do dirigente soviético, ao qual o levou a ser escolhido como o primeiro Comissário do Povo Para as Nacionalidades durante o primeiro governo soviético após o triunfo revolucionário de 1917.
 

O leninismo, termo que começa a ganhar popularidade após esta obra, é uma ferramenta de combate ao trotskismo que, segundo Stálin, buscava deturpar o conceito de “revolução permanente”; Os Fundamentos do Leninismo tem a missão de desmascarar essa ideologia tão perniciosa à classe operária e alertar sobre o perigo que ela seria no futuro, influenciando diretamente parcelas do movimento operário e sabotando a luta revolucionária.

 

Falando em relação à estratégia e à tática, outra lição que Stálin nos deixa, além de nos alertar sobre as ideias oportunistas no seio do Partido, é: o combate firme contra o imperialismo que faz de tudo para desestabilizar o movimento operário e o seu Partido, influenciando quadros dirigentes e levando as organizações comunistas à degeneração completa, transformando-os de vanguarda do proletariado a agrupamentos eleitoreiros a serviço da burguesia. Dessa forma, Sobre os Fundamentos do Leninismo é uma obra que sempre será atual e útil ao movimento comunista. Importante guia para ação revolucionária e emancipação da classe operária.

 

Escrito por Clóvis Manfrini

 

Please reload

Leia também...

"Se querem a paz, vocês têm que lutar por ela"

10/12/2019

O Socialismo Científico de Marx e Engels e o combate às ideias antiproletárias

09/12/2019

"Conversa entre J.V. Stalin e Mao Tsé-tung"

29/11/2019

"Carta da Komintern ao Comitê Central do PCB em 1933"

28/11/2019

1/3
Please reload

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube