"Aos jovens e estudantes"

15/12/2018

 

Após a morte do grande marxista-leninista Stalin, a facção revisionista renegada soviética usurpou a liderança do Estado, do partido e do exército e estabeleceu uma ditadura burguesa na União Soviética, a terra da Grande Revolução Socialista de Outubro. Esta camarilha renegada revisionista tornou-se líder e ponto focal dos revisionistas do mundo. Naturalmente, após o estabelecimento da ditadura burguesa, eles se tornaram os primeiros cúmplices dos imperialistas; em particular, avançaram muito no caminho da colaboração com os imperialistas norte-americanos. Isso porque o imperialismo norte-americano é hoje o líder do campo imperialista e está perseguindo ainda mais feroz e amplamente as políticas agressivas dos alemães, italianos e japoneses. Os líderes traidores da União Soviética estão apoiando essas atividades agressivas e até usam o nome de Lênin para menosprezá-los e estão eles próprios realizando a exploração colonial com várias potências imperialistas e, em particular, com o imperialismo norte-americano. Agindo assim, os líderes do Estado e do partido soviéticos se converteram em inimigos de todas as lutas de libertação do mundo, inimigos da grande China socialista, inimigos do comunismo e até do povo soviético.

 

Na Índia, eles também atuam como cúmplice número 1 do imperialismo norte-americano e estão dirigindo o poder do Estado e explorando o povo da Índia. Como em várias outras partes do mundo, eles são aliados dos reacionários na Índia e os apóiam. É por isso que a luta de libertação da Índia só pode ganhar a vitória lutando contra as armas dos revisionistas soviéticos e atacando o poder estatal dos revisionistas soviéticos. Isso explica por que a camarilha de Dange e a liderança neo-revisionista, por suas ações, se juntaram à camarilha reacionária indiana e se tornaram inimigos de todos os movimentos democráticos. Eles conscientemente e zelosamente apoiam a propaganda burguesa e imperialista.

 

Por causa deste desenvolvimento mundial que o pensamento do Presidente Mao emergiu como o único Marxismo-Leninismo, Marxismo-Leninismo que ele grandemente desenvolveu e enriqueceu através da grande revolução cultural proletária. É por isso que o mundo entrou hoje na era do pensamento de Mao Tse-tung. Portanto, o pensamento do Presidente Mao pode ser chamado de marxismo da era do colapso total do imperialismo.

 

Assim, a tarefa política dos estudantes e dos jovens trabalhadores é estudar este novo e desenvolvido marxismo, o pensamento do Presidente Mao, e colocá-lo em prática. Quem evita essa tarefa nunca pode adquirir o conhecimento sobre os princípios do marxismo. Eles devem, portanto, estudar as citações do presidente Mao Tse-tung. Como o Presidente Mao disse, só pode haver um critério pelo qual devemos julgar se um jovem ou um estudante é um revolucionário. Este critério é se ele está ou não disposto a integrar-se com as grandes massas de trabalhadores e camponeses, faze-lo na prática e realizar o trabalho em massa.

 

As Citações da Guerra Popular publicadas pelo Comitê Central do grande Partido Comunista da China estão agora disponíveis conosco, uma tradução em bengali que também foi publicada. Este livro é destinado a trabalhadores revolucionários e camponeses. Devemos fazer disso nosso material de propaganda e agitação. Se um trabalhador é revolucionário ou não, será julgado com base no número de trabalhadores e camponeses a quem ele leu e explicou este livro.

 

Vimos como bons agitadores no movimento estudantil, como até mesmo alunos que lutaram na barricada por alguma demanda estudantil ou política, realizaram o exame para o I.A.S. e tornaram-se administradores, isto é, foram para o campo inimigo. Como o Presidente Mao nos ensina, somente os estudantes e jovens que podem se integrar com as massas de camponeses e trabalhadores são revolucionários; aqueles que não podem são a princípio, não-revolucionários e podem em alguns casos se juntar ao campo contrarrevolucionário depois.

 

Esta é uma lição que recebemos não apenas da China, mas de todos os países do mundo. De minha própria experiência, posso dizer que, a menos que os revolucionários nas vilas e cidades realizem essa tarefa, eles acabarão se tornando desmoralizados e degenerados.

 

A organização política dos jovens e dos estudantes deve necessariamente ser uma organização da Guarda Vermelha, e eles devem empreender a tarefa de espalhar as Citações do Presidente Mao o mais amplamente possível em diferentes áreas.

 

Publicado no Liberation, abril de 1969

 

Escrito por Charu Mazumdar, dirigente comunista fundador do Partido Comunista da Índia (M-L)

 

Please reload

Leia também...

Stalin: "A Greve Geral Iminente"

14/11/2019

"O papel das mulheres na defesa de Stalingrado"

13/11/2019

Lenin: "Sobre os Sindicatos, o momento atual e os erros de Trotsky"

13/11/2019

URC: "Sobre o Golpe de Estado imperialista na Bolívia"

12/11/2019

1/3
Please reload

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube