"É essencial combater o envenenamento ideológico e cultural imperialista"

30/06/2018

 

O jornal Rodong Sinmun e a revista Kulloja, órgãos do Comitê Central do Partido do Trabalho da Coreia, publicaram um artigo conjunto intitulado "Rejeitemos o envenenamento ideológico e cultural imperialista".

Rodong Sinmun hoje em um extenso artigo diz que o envenenamento ideológico e cultural imperialista é um meio importante de executar sua estratégia de supremacia mundial, e que "a ideia capitalista corrupta é intolerável na sociedade socialista, o envenenamento ideológico e cultural imperialista deve ser frustrado por uma ofensiva ideológica revolucionária e a RPDC deve consolidar a frente ideológica e cultural socialista como firme como uma fortaleza inexpugnável."

Na primeira parte, o artigo diz: "O envenenamento ideológico e cultural imperialista é um meio de agressão e intervenção cometido sob o lema de 'cooperação' e 'intercâmbio'.

É a principal estratégia dos imperialistas dominar o mundo com ideias corruptas pois não conseguiram o pôr sob o seu controle apenas com bombas atômicas e dólares. Este envenenamento visa prejudicar o excelente caráter nacional de cada país e nação e fazer com que centenas de milhões de pessoas em todo o mundo se deformem mentalmente."

Na segunda parte, o artigo aponta: "Na sociedade socialista, a ideologia e a cultura imperialista - a ideia capitalista corrupta- , não deve ser tolerada sob nenhuma circunstância. É a verdade provada pela história que se uma tolerável manifestação da ideia capitalista corrupta é tolerada, a própria sociedade socialista não pode existir.

A antiga União Soviética e os países socialistas do leste europeu entraram em colapso não porque seus potenciais militares e econômicos fossem fracos e o nível de seu desenvolvimento cultural fosse baixo. Foi inteiramente porque abriram a porta para o envenenamento ideológico e cultural imperialista. As ideias corruptas difundidas pelos imperialistas são mais perigosas do que as bombas atômicas para os países no processo de construção socialista.

Este envenenamento ideológico e cultural é uma ofensiva viciosa reacionária destinada a quebrar a fé das pessoas no socialismo. É graças a essa fé que uma sociedade socialista é construída e um baluarte socialista é defendido. Uma vez que o envenenamento ideológico e cultural imperialista seja tolerado, até mesmo a fé inabalável diante da ameaça da baioneta estará fadada a ceder como uma parede de barro molhada. Isso é exatamente degeneração. Se alguém for levado à ideia capitalista, ele abandonará sua fé e será desarmado ideologicamente.

É um método importante empregado pelos imperialistas fazer com que a fé no socialismo desapareça para levar a cabo envenenamento ideológico e cultural sob o lema de religião.


De fato, são os métodos empregados pelos imperialistas para embelezar a sociedade exploradora, deslocar a confiança da classe trabalhadora em seu partido e incitar o anti-socialismo ao abusar do credo religioso.

O envenenamento ideológico e cultural imperialista serve como um meio vicioso de destruir a unidade e a coesão na sociedade socialista. Isso inevitavelmente convida ao surgimento de forças contra-revolucionárias. É seguido pelo aparecimento de elementos contra-revolucionários que abrigam uma ilusão sobre o imperialismo e o ressurgimento de sabotadores e elementos destrutivos.

A história mostra que qualquer tumulto e atividades de grupos contra-revolucionários na sociedade socialista estão ligados aos movimentos dos imperialistas. O envenenamento ideológico e cultural imperialista é como os tentáculos da perigosa campanha para prejudicar o nobre modo de vida socialista. Se algum modo de vida heterogêneo é permitido na sociedade socialista, se opondo ao seu modo de vida, isso abalará a sociedade até o seu próprio fundamento."

Na terceira parte, o artigo diz: "Devemos frustrar o envenenamento ideológico e cultural imperialista por uma ofensiva ideológica revolucionária. O povo revolucionário deve empreender uma luta mais dinâmica contra o imperialismo até que ele chegue à sua ruína final e a ideologia e cultura corrupta burguesa seja totalmente eliminada da Terra.

É necessário manter a educação ideológica como nossa linha de vida e conduzi-la positivamente. Agora que o mundo está perturbado pela ideia corrupta, não há nada mais nada tão perigoso do que negligenciar a educação ideológica do povo e deixá-los ideologicamente indefesos. As pessoas não devem permitir que ideias estranhas entrem em sua mente. Aqueles que não estão equipados com a ideia socialista estão fadados a aceitar a ideia burguesa.

Principal ênfase deve ser colocada em ofensiva, em vez de defesa no combate ao envenenamento ideológico e cultural imperialista. É a ofensiva mais dinâmica e eficiente para levar a cabo uma educação ideológica do povo. Prestar atenção exclusiva à construção econômica e abandonar o trabalho ideológico é apenas um ato suicida de abrir as portas para que a ideologia e a cultura imperialistas se infiltrem.

Esforços devem ser concentrados na educação ideológica antes de qualquer outra coisa. Acelerar a construção econômica com prioridade definida para a educação ideológica é a estratégia mais revolucionária para frustrar a estratégia imperialista de 'transição pacífica'.

A educação ideológica na sociedade socialista deve ser estritamente socialista e revolucionária em seu conteúdo. A frente ideológica não deve permitir nada de ambíguo, compromisso ou concessão. A educação ideológica cambaleante é pior do que não fazer nada. Como alguns países que estavam construindo o socialismo no passado continuaram com educação irregular, nem socialista nem capitalista, isso trouxe degeneração e retrocessos para a frente ideológica. A educação ideológica deve ser estritamente vermelha tanto em sua forma quanto em conteúdo.

É imperativo montar uma rede mosquiteira em todos os domínios da vida social. É importante bloquear completamente, em primeiro lugar, os canais através dos quais o veneno ideológico e cultural imperialista pode se infiltrar. Sem essa educação, as pessoas podem adoecer mental, moral e fisicamente. É um ato muito tolo negligenciar tomar qualquer medida revolucionária para impedir isso, ciente dessas consequências desastrosas.

Montar uma rede mosquiteira significa um benefício e um amor revolucionários demonstrados pela parte que é responsável pelo destino do povo e os conduz, o único protetor genuíno do povo. "Falar sobre" e "pluralismo" exigido pelos imperialistas e renegados do socialismo nunca devem ser permitidos nos campos ideológico e político.

No domínio econômico, a menor ilusão não deve ser abrigada sobre o modo capitalista de gestão de negócios baseado em dinheiro e sobre "reforma" e "abertura" que convidam o imperialismo. No campo da literatura e das artes, as tendências em direção à arte pela arte, auto-indulgência e "liberdade de criação" devem ser estritamente rejeitadas. Elementos não-socialistas nunca devem ser permitidos. Estes são um foco de ideologia e cultura burguesa.

A ex-União Soviética e os países do leste europeu entraram em colapso quando foram coniventes e encorajaram elementos não socialistas. É importante frustrar decisivamente os elementos capitalistas e não-socialistas em seu desenvolvimento". Em sua última parte, o artigo pede a consolidação da frente ideológica e cultural socialista da RPDC como uma fortaleza inexpugnável.

Continua: "A sábia liderança do Partido do Trabalho da Coreia, que deu uma prioridade definitiva ao trabalho ideológico, já foi claramente provada na prática revolucionária. O Partido do Trabalho da Coreia é um partido militante que liderou a revolução e a construção com base na força da ideia.

O PTC levou adiante a causa socialista, invariavelmente tomando a teoria da ideologia como uma diretriz, não importando o caminho que o vento possa soprar. A posição resoluta, de princípio e intransigente mantida pelo PTC no confronto ideológico e cultural com o imperialismo continua a ser um exemplo brilhante na defesa da causa socialista.

Devemos manter firme as políticas do PTC sobre o trabalho ideológico e implementá-las completamente. Kim Jong Il é um grande arquiteto da ideologia e cultura socialista e um defensor da civilização humana. Nossa posição ideológica socialista não pode ser destruída nem como a aspiração da humanidade progressista pela independência pode ser reduzida enquanto houver o grande Kim Jong Il."

 Artigo da KCNA de junho de 1999

Traduzido pelo blog A Voz do Povo de 1945

 

Please reload

Leia também...

"O sucesso de Cuba com a COVID-19 explicado de dentro"

30/05/2020

"The Lumpen: a música revolucionária dos Panteras Negras"

30/05/2020

"A crise da filosofia burguesa"

29/05/2020

"Diferenças entre socialismo e capitalismo na questão da habitação"

29/05/2020

1/3
Please reload

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube