"Carta de GN Saibaba escrita a sua esposa"

01/11/2017

Querida Vasantha,

Estou com medo de pensar na chegada do inverno. Já estou tremendo com contínua febre. Eu não tenho uma manta. Não tenho blusa. Conforme a temperatura abaixa, a torturante dor em minhas pernas e mão esquerda aumenta. É impossível para mim sobreviver aqui durante o inverno que começa em Novembro. Estou vivendo aqui como um animal dando seus últimos suspiros. De alguma forma eu consegui sobreviver por 8 meses. Mas eu não vou sobreviver no próximo inverno. Tenho certeza disso. De nada serve escrever mais sobre minha saude.


De qualquer forma, por favor conclua a assessoria jurídica até o final deste mês. Em seguida, informe o Sr. Gadling para arquivar meu pedido de fiança na primeira semana de novembro ou na última semana de outubro. Lembre-se que se isso não for feito dessa maneira, minha situação ficará fora de controle. Eu não sou responsável. Estou deixando claro para você. Daqui em diante, não vou mais escrever sobre isso.


Você deve falar com a Sra. Rebeccaji e Nandita Narain. Também fale com o Professor Haragopal e outros. Explique toda a situação. É preciso se apressar. Eu me sinto tão mal por te pedir tantas vezes como um mendigo, um abandonado. Mas ninguém move um dedo, ninguém entende minha condição atual. Ninguém entende uma pessoa 90% deficiente que está de trás das grades lutando com apenas uma mão em boas condições e sofrendo com várias doenças. E ninguém se importa com minha vida. Isso é simplesmente negligência criminosa, uma atitude cruel.


Por favor cuide de sua saúde. A sua saude é minha saúde e a saúde de toda a família. Não há mais ninguém para cuidar de sua saúde por enquanto. Até que eu esteja a seu lado, você tem que cuidar de sua saúde sem qualquer negligência.

 

Com muito amor
Seu
Sai


Carta escrita em 17 de outubro e recebida em 25 de outubro de 2017

 

Traduzido por G. Duccini

Please reload

Leia também...

"Como Mao Tsé-tung estudava e investigava"

21/11/2019

"Para você, amado camarada"

19/11/2019

"Necessidade contínua da Revolução Cultural"

18/11/2019

Mao: "À Memória de Norman Bethune"

15/11/2019

1/3
Please reload

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube