Porta-voz da RPDC denuncia a fúria hostil dos EUA

22/07/2015

Em relação a que os EUA recorre mais uma vez a hostilidade contra a República Popular Democrática da Coreia falando de novas “sanções” a pretexto do inexistente “problema de direitos humanos” desta, o porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da RPDC publicou uma declaração como segue:

 

No seminário organizado no passado dia 8 pela Fundação Heritage, o representante especial de politica sobre a RPDC do departamento de estado dos EUA disse que se elevou a “atenção internacional sobre o estado rigoroso de violação de direitos humanos da Coreia do Norte” segundo o “informe do comitê de averiguação” e outros referentes a situação de direitos humanos da RPDC e agregou que “está examinando as medidas necessárias inclusive sanções”.

 

Coincidindo com isso, EUA incutem persistentemente um ambiente hostil a RPDC divulgando através de seus desonestos meios de comunicação o “informe do comitê de averiguação”, feito por sórdidos testemunhos mentirosos.

 

A presente campanha dos EUA não tem nenhuma relação com a defesa dos verdadeiros direitos humanos e só tem como objetivo manchar a imagem da RPDC e derrubá-la valendo-se de todos os meios e métodos.

 

É uma piada e um insulto insuportáveis aos direitos humanos a difamação e a calunia ao governo socialista da RPDC que é um governo de todos, onde o povo desfruta de amplos direitos independentes e realiza seus sonhos e ideais.

 

EUA entrega em toda a parte do mundo a agressão e a intervenção e impõe aos habitantes inocentes incontáveis desgraças e matanças, e vem fazendo sistematicamente interceptação e vigilância ilegal tanto aos seus habitantes como também os cidadãos de outros países ao mesmo tempo que mata a tiros os negros. Os EUA é que devem sentar-se no banco dos réus do tribunal internacional dos direitos humanos como cabeça de violações de direitos humanos e país criminoso.

 

O recrudescimento da “sanção” anti-RPDC com o “problema dos direitos humanos” e a intenção da “derrubada” não passa de uma ilusão anacrônica dos fanáticos enlouquecidos pela politica hostil anti-RPDC.

 

Quanto mais recorre EUA ao alvoroço de pressão a RPDC, tanto mais se revelará o caráter reacionário de sua politica hostil a RPDC e redobrará a vontade rotunda de enfrentamento. Consolidaremos mais o governo socialista ao nosso estilo, optando pelo povo coreano sem tomar em consideração a difamação de alguém.

 

da Korea Central News Agency (KCNA)

Please reload

Leia também...

O XX Congresso do PCUS e a crise no Partido Comunista do Brasil (PCB)

11/11/2019

Marx: "Carta a Pavel V. Annenkov"

11/11/2019

"Claudia Jones, uma pan-africanista, feminista e comunista pouco conhecida"

06/11/2019

"Jornalista Anna Louise Strong sobre Stalin"

04/11/2019

1/3
Please reload

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube