Cabral: "Palavras de Ordem"


1. Manter e melhorar a organização em todos os níveis. Manter e reforçar a disciplina do Partido em todos os organismos e locais. 2. Encorajar as massas, mas acalmar os ânimos para evitar erros. Pôr o povo a par do que se passou em Bissau, mas explicar claramente que a luta exige sacrifícios. 3. Todos os responsáveis devem preparar tudo, como estava combinado, para o desenvolvimento da nossa luta. Reforçar as ligações entre as zonas. 4. Reforçar a vigilância em todas as regiões e zonas. Montar a segurança onde ela não existe, e reforçar a segurança onde existe. 5. Todos os responsáveis devem mandar informações do que se passa nas suas áreas. 6. Reforçar a direção da zona 1 e reforçar a direção da zona 0. Melhorar a direção de todas as outras zonas. 7. Investigar para saber bem quem foram os denunciantes dos nossos camaradas, quais são os traidores. a. Meter medo aos que servem o colonialismo, mas não são muito culpados. b. Destruir as coisas (casas, culturas, etc.) dos que servem o colonialismo e têm já algumas culpas. c. Matar os traidores, os denunciadores, os canalhas. 8. Exercer represálias sobre os portugueses ou africanos que estão a fazer muito mal à nossa gente. 9. Os soldados africanos e os policias africanos devem passar todos para o nosso lado, com armas e munições. 10. Estudar as possibilidades de tirar da cadeia os nossos presos, principalmente Zain, Luciano, Momo e outros. 11. Não realizar nenhuma ação na área de Bissau. 12. Aumentar os atos de sabotagem de estradas, pontes e fios telefónicos em todas as zonas. 13. Preparar emboscadas, para atacar os portugueses e tomar armas. 14. Não pagar mais impostos e exigir aos chefes de posto africanos quenão cobrem mais impostos. 15. Em toda a área de Bissau, os trabalhadores devam recusar-se a trabalhar para os colonialistas. 16. Convencer a nossa gente a não fazer a cultura da mancarra. A fazer só culturas alimentares (para comer). 17. Contar sobretudo com as nossas próprias forças. 18. Continuar com a entrada de munições (L.). 19. Todos os responsáveis principais devem estar prontos para a reunião dos fins do mês de Julho. 20. Espírito de sacrifício, iniciativa, estudo sério de cada medida a tomar, decisão pronta, coragem, sangue frio.

Março/Junho de 1962

Escrito por Amílcar Cabral

Do marxists.org

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube