1/10

Dimitrov: "Existe apenas uma forma de salvar nosso povo"


Ao declarar guerra à América e à Inglaterra [1], o governo do rei Boris demonstrou uma vez mais o seu papel de lacaio de Hitler, o sanguinário, e a sua política de traição dos interesses e do futuro do nosso povo.

Para as operações militares no Pacífico, a guerra da Bulgária contra a América e a Inglaterra não teve nem pode indubitavelmente ter qualquer importância prática. Mas este ato aventureiro do governo do rei Boris tem uma grande importância prática, sob o ponto de vista da situação e futuro da própria Bulgária. A Bulgária é por este fato definitivamente atirada para a criminosa guerra de depredação de Hitler e transformada num instrumento dos seus planos de pilhagem.

A declaração de guerra feita à América e à Inglaterra reveste-se de uma importância ainda mais imediata, depois de Hitler e os seus agentes búlgaros se terem