1/10

Técnicos de farmácia em alerta: Doria planeja precarizar serviços


Em recente entrevista ao programa Brasil Urgente da Rede Bandeirantes, o atual prefeito da cidade de São Paulo João Dória e seu Secretario municipal da Saúde Wilson Modesto Pollara, afirmaram que pretendem transferir as farmácias que dispensam medicamentos nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) e AMA (Ambulatórios Médicos de Ambulatorial) para as drogarias da cidade. O projeto deixou em alerta não só os trabalhadores que atuam neste seguimento, como também a classe trabalhadora de forma geral que depende do serviço que é totalmente gratuito.