1/10

Paramilitares atacam povo Guarani Kaiowá no MS


guaranikaiowaMS.jpg

Os últimos meses têm testemunhado enorme intensificação da violência contra os povos originários do Mato Grosso do Sul. O aumento da fome, dos assassinatos e das ameaças atestam o total abandono destes povos por parte do governo federal e autoridades locais.

Na última segunda feira (22), um grupo de cerca de 60 indígenas Guarani Kaiowá retomaram parte de seu território tradicional reivindicado, a aldeia Kurusu Ambá, tomada pela Fazenda Madama. A aldeia, palco do assassinato de dezenas de lideranças dos povos originários, como o da matriarca de 70 anos de idade, Xurite Lopes, no ano de 2007, r