Mesmo na crise, bancos têm lucros recordes


Nos dias 29 de abril e 5 de maio os balanços do primeiro trimestre de 2015 dos bancos Bradesco e Itaú Unibanco foram publicados respectivamente. O banco Bradesco teve lucro líquido de R$ 4,244 bilhões, um crescimento de 6,3% com relação ao resultado do quarto trimestre de 2014 e de 23,3% em relação ao mesmo período do ano passado. Já o Itaú Unibanco teve lucro líquido de R$ 5,733 bilhões no primeiro trimestre desse ano, um crescimento de 3,86% em relação ao resultado do quarto trimestre de 2014 e de 29,73% em relação ao mesmo período do ano passado.


No final do primeiro trimestre de 2015, a carteira de crédito total do Itaú Unibanco (incluindo operações de avais, fianças e títulos privados) alcançou o saldo de R$ 578,596 bilhões, um aumento de 3,4% em relação ao quarto trimestre de 2014 e de 13,8% frente ao mesmo período do ano anterior. Já a carteira de crédito do Bradesco alcançou o saldo de R$ 463,3 bilhões, um aumento de 7,2% em relação ao mesmo período do ano passado.


O índice de inadimplência das operações vencidas acima de 90 dias do Itaú Unibanco teve queda de 0,1 ponto percentual em relação ao trimestre anterior e de 0,5 ponto percentual em relação ao mesmo período do ano passado. Já índice de inadimplência das operações vencidas acima de 90 dias do Bradesco teve alta de 0,1 ponto percentual em relação ao trimestre anterior e 0,2 ponto percentual em relação ao mesmo período do ano passado.

por Diego Gregório

NOVACULTURA.info

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter
  • YouTube